FUTSAL FEMININO - FASE ZONAL DO TORNEIO NACIONAL SUB20

FUTSAL FEMININO - FASE ZONAL DO TORNEIO NACIONAL SUB20

A Fase Zonal do Torneio Nacional SUB 20, realizada no fim de semana, em Montemor-o-Velho e Vila Verde, na Figueira da Foz, foi uma jornada brilhante para a promoção do futsal feminino. A Direção da Federação Portuguesa de Futebol e as Associações participantes elogiaram a organização da AF Coimbra.

A seleção da AF Coimbra perdeu 5-1, com a congénere do Porto, no Pavilhão do Vilaverdense, num dos encontros que definiu as participantes na Fase Final do Torneio Nacional, em futsal feminino. Na outra partida, a Seleção de Vila Real não deu hipótese à Seleção de Aveiro, vencendo, no Pavilhão Municipal de Montemor-o-Velho, por 5-0.
Nos restantes encontros da última ronda, Viana do Castelo venceu Bragança, por 5-2, Viseu triunfo na partida com a Guarda, por 5-0, e perdeu, por 1-0, na marcação de uma livre direto, após o final do tempo regulamentar com Braga, que, por seu turno, derrotou a Guarda por 5-0.

A equipa orientada pelo selecionador João Oliveira, que iniciou o jogo com Maria Ferreira, Marisa Fernandes, Rute leitão, Ana Mendes e Andreia Dallot, não resistiu ao maior poder físico e técnico da equipa nortenha, com destaque para a capitã Isabela Pereira.

Em dois lances de belo efeito, construídos por Isabela Pereira e concluídos com classe por Joana Neves e Sara Cruz, a seleção do Porto construiu uma vantagem confortável na fase inicial do 1.º tempo, que ampliou ainda antes do intervalo com Isabela Pereira a assinar o 3-0.

As conimbricenses dispuseram de duas oportunidades soberanas, mas não acertaram no alvo, pelo que ao intervalo o resultado refletia a diferença na eficácia e no entrosamento entre as duas equipas.

No início da 2.ª parte, a seleção da AF Coimbra alterou a atitude e passou a pressionar o adversário, cenário que durou pouco, já que a equipa da Invicta revelou antídoto para a estratégia do "cinco" orientado por João Oliveira, lançando mão dos valores individuais, com Márcia Ferreira a marcar o quarto golo das visitantes, após iniciativa de qualidade pelo lado esquerdo.

O prémio para a dedicação e a entrega conimbricenses surgiu aos 14 minutos, com Mariana Fernandes a reduzir para 1-4, num golo de raiva e muito festejado (também) nas bancadas.

Num lance infeliz nos últimos segundos do encontro, Mafalda Bento introduziu a bola na própria baliza e ficou inconsolável, apesar da solidariedade das companheiras de equipa e dos elementos da comitiva da AF Coimbra.

As conimbricenses têm qualidade, mas precisam de trabalhar o desempenho coletivo, rever alguns aspetos técnicos e táticos e de aumentar a capacidade física, já que equipas como Vila Real e Porto demonstraram que não são macias na hora de "meter o pé"...

O almoço no Hotel Atlântida Sol, na Figueira da Foz, que durante o fim de semana funcionou como "quartel-general" da competição, encerrou a Fase Zonal do Torneio Nacional SUB20, em futsal feminino, cuja organização, a cargo da AF Coimbra, foi elogiada pelos observadores da FPF e pelos dirigentes das seleções participantes

O selecionador nacional de futsal, Jorge Braz, acompanhou o desenrolar do torneio e na sexta-feira, à noite, esteve reunido com os responsáveis técnicos das Associações presentes.


o o o o o o


Policiamento Desportivo

Policiamento Desportivo

Normas a Adoptar nos Jogos Oficiais da AFC

CUMPRIMENTO DA LEI (Lei 52/2013 de 25 de Julho)


A AFC, à semelhança da época anterior, continua atenta a este problema.

Independentemente da leitura que se possa fazer da Lei, a AFC recomenda que os clubes devem, preferencialmente, requisitar o policiamento.

Não existindo policiamento aos jogos, as medidas a adoptar nas provas oficiais da AFC são as constantes do nosso Comunicado Oficial Nº.08, de 17.09.2014.


o o o o o o

Calendários de Provas 2014/2015

Calendários de Provas 2014/2015

Calendários de Provas Oficias disponíveis para consulta e download - Época 2014/2015

Já se encontram disponíveis para consulta e download os seguintes Calendários de Provas 2014/2015:

FUTEBOL 11

- Taça AFC Séniores Masculinos - 1ª Eliminatória 

- CD Divisão Honra

- CD I Divisão

- CD Juniores

- CD Juvenis

CD Iniciados

FUTEBOL 7

- CD Infantis

- CD Benjamins

ACTIVIDADES LÚDICAS

- Petizes e Traquinas

FUTSAL

- Super-Taça Seniores Masculinos

- Taça Honra - Seniores Masc.

- Taça AFC Seniores Masc. - 1ª Elimin.

- CD Divisão Honra Sen. Masc.

- Super-Taça Seniores Femininos

- Taça Honra - Seniores Femin.

- Taça AFC Seniores Femin. - 1ª Elimin.

- CD Divisão Honra Sen. Fem.

- Taça AFC Juniores - 1ª Elimin.

- CD Juniores

- Taça AFC Juvenis - 1ª Elimin.

- CD Juvenis

- Taça de Abertura de Iniciados

- Taça AFC Iniciados - 1ª Elimin.

CD Iniciados

- Taça AFC Infantis - 1ª Elimin.

- CD Infantis

- Taça AFC Benjamins - 1ª Elimin.

- CD Benjamins

ACTIVIDADES LÚDICAS - FUTSAL

- Petizes e Traquinas

Curso de Treinadores UEFA C - NÍVEL 1

Curso de Treinadores UEFA C - NÍVEL 1

Seis dezenas de candidatos em curso mais exigente

Atenta à falta de treinadores habilitados para o exercício das funções nas equipas dos diversos escalões, a Direção da Associação de Futebol de Coimbra está a promover cursos de Treinador de Futebol UEFA C - Raízes/Grau I, com autorização da Federação Portuguesa de Futebol e do Serviço de Formação e da Convenção de Treinadores da UEFA e pelo Regulamento de Organização de Cursos de Treinadores do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).

O início do primeiro curso foi assinalado, no passado sábado, no auditório da Escola Superior de Educação de Coimbra, com a presença da maioria dos candidatos oriundos das competições distritais e até à I Liga.
Na sessão de abertura, Horácio Antunes, presidente da Associação de Futebol de Coimbra, enquadrou a realização do curso nas necessidades formativas a nível distrital e nacional, recordando “a luta” desencadeada pela FPF para a sua concretização e a ação de Carlos Coutada, ex-presidente da AF Braga e atual vice-presidente da FPF responsável pelo sector da formação, durante a negociação do regulamento com o Instituto Português do Desporto e da Juventude.

Dirigindo-se aos alunos, o dirigente da AF Coimbra lançou o alerta, ao afirmar que “o curso é completamente diferente dos anteriores, exigindo muito mais atenção”, ainda que, considera, “quem tem condições para apreender a tática e o jogo, também consiga apreender outro tipo de matérias numa das escolas mais reputadas de Coimbra e do Ensino Superior”.

Segundo Horácio Antunes, o Curso de Treinadores UEFA C - Nível 1 é, também, “uma forma de engrandecimento e de melhoria da própria formação” e um motivo de orgulho, através das parcerias que envolve, para a AF Coimbra.

O presidente da AF Coimbra deseja que “a fórmula agora definida seja boa e que o curso seja uma mais valia para o trabalho futuro” dos candidatos. “Temos habitualmente bons resultados, pelo que espero que, uma vez que somos obrigados a seguir por este caminho, se venha a demonstrar que se conseguiu uma boa medida entre aquilo que era o radicalismo do IPDJ e a luta da FPF”, disse.

Rui Mendes, presidente do Conselho Diretivo da Escola Superior de Educação de Coimbra, agradeceu o convite dirigido à ESEC para a participação no Curso de Treinadores UEFA C - Nível 1, já que permite potenciar a excelência formativa desta instituição de Ensino Superior, que está integrada no Instituto Politécnico de Coimbra.

A primeira instituição de ensino superior “que forma, em Coimbra, pessoas na área da educação física e do desporto”, atribui elevado grau de relevância à colaboração com a AF Coimbra e tudo irá fazer para que a iniciativa formativa da associação distrital seja um êxito.

José Pereira, presidente da Associação Nacional de Treinadores de Futebol, confessou que “este não é o modelo de curso da ANTF” e que as “conversações com as entidades que supervisionam a formação dos treinadores em Portugal” não proporcionaram os resultados desejados pela estrutura representativa dos técnicos. “Quando não temos o que gostaríamos de ter, devemos gostar do que temos”, disse.

Segundo José Pereira, a ANTF acompanhará de perto o curso “sempre com a intenção e o objetivo de o transformar”, pois, explicou, o modelo anterior foi melhorado pela FPF, ANTF e pela as próprias associações”, pelo que teria condições para continuar em vigor.

Amaro Ferreira, Coordenador Técnico Distrital da AFCoimbra, agradeceu a colaboração da ANTF e o apoio da Escola Superior de Educação de Coimbra, na pessoa de Rui Mendes, presidente do Conselho Diretivo, “na disponibilização dos professores e na cedência das instalações” para a realização do curso de treinadores UEFA C - NIVEL 1.

O responsável técnico da AF Coimbra salientou a participação na etapa formativa de alguns ex-companheiros de equipa, adversários e atletas que foram orientados por Amaro Ferreira. “É uma honra tê-los aqui”, disse.

Os cerca de 60 participantes são um motivo de orgulho para o Departamento de Formação da AF Coimbra que criou uma estrutura humana e logística adaptada ao ano e meio que durará o o curso de treinadores UEFA C - NIVEL 1.

    Notícias

    FUTSAL FEMININO - FASE ZONAL DO TORNEIO NACIONAL SUB20

    FUTSAL FEMININO - FASE ZONAL DO TORNEIO NACIONAL SUB20
    A Fase Zonal do Torneio Nacional SUB 20, realizada no fim de semana, em Montemor-o-Velho e Vila Verde, na Figueira da Foz, foi uma jornada brilhante para a promoção do futsal feminino. A Direção da Federação Portuguesa de Futebol e as Associações participantes elogiaram a organização da AF Coimbra.

      Agenda

      SetembroOutubro de 2014Novembro
      segterquaquisexsábdom
      12345
      6789101112
      13141516171819
      20212223242526
      2728293031
      Teste
      Não existem eventos para o mês selecionado